A Língua Portuguesa

Acordo Ortográfico

Cartão de visita

Correspondência

Convites

Felicitações e agradecimentos

Discursos e brindes

Os funerais

Telefone e telemóvel

Ofertas

 

Quem e como convidar?
Como responder a um convite para um evento social ou oficial?
Um convite não deve ser feito de maneira equívoca, indefinida ou imprecisa.

Convida-se quando se quer celebrar uma data, retribuir outro convite, homenagear alguém, realizar um encontro informal, um casamento, etc.
Distingue-se uma pessoa quando a convidamos para um evento, demonstrando-lhe assim que a sua presença dá prazer e deixa honrado a quem convida.
Já, oficialmente, convida-se não para dar prazer. Assim, não é adequado constar no convite a expressão “tem o prazer de convidar”, mas “tem a honra de convidar” ou “convida”, conforme o grau de importância dos destinatários.

A redacção dos vários tipos específicos de convites obedece a regras muito precisas, na etiqueta bem como em Protocolo.
Os convites podem ser feitos de diversas formas, de acordo com o grau de intimidade e familiaridade.

Pelo telefone, quando se trate de alguém muito íntimo, ou quando há um contacto prévio ao seu envio.
Pessoalmente, quando se dá um encontro fortuito permitindo a entrega do convite.
Pelo correio, quando se envia o convite e p.m.
Em mão, nas situações mais formais e para individualidades oficiais.

Tipos de convites

Formais – oficiais, corporativos
Informais – corporativos, pessoais

São oficiais, quando o anfitrião é uma autoridade
São corporativos, quando o anfitrião é uma entidade privada
São pessoais, quando o anfitrião é um particular

 

 
Todos os Direitos reservados©
Facebook | Portugal Protocolo Linkedin | Portugal Protocolo